Concurso PGE
Concurso PGE

As inscrições para o concurso público da Procuradoria Geral do Estado (PGE) foram prorrogadas. O novo prazo se encerra às 14h do dia 5 de julho. Ao todo, serão ofertadas 56 vagas para os cargos de Analista e Assistente de Procuradoria, sendo 5% delas destinadas a pessoas com deficiência. As inscrições serão realizadas exclusivamente pela internet, no site da organizadora do concurso, a Fundação Carlos Chagas - FCC (clique aqui). O certame é realizado pela Secretaria da Administração (Saeb).

 
Os interessados em ingressar no quadro de funcionários da PGE poderão se candidatar a uma das 20 vagas para o cargo de Analista de Procuradoria, com atuação nas áreas de Apoio Jurídico, Apoio Calculista e Apoio Administrativo. Na área jurídica, estão aptos candidatos com ensino superior em Direito.
 
Já o setor contábil exige formação em Ciências Contábeis, Economia, Administração, Engenharia ou Matemática. Podem concorrer na área administrativa candidatos com qualquer graduação no ensino superior. Já o cargo de Assistente de Procuradoria é destinado a candidatos com formação de Nível Médio ou técnica profissionalizante. São ofertadas 36 vagas para este cargo no total.
 
A taxa de inscrição para nível superior custa R$ 120 e, para nível médio, R$ 70. A remuneração mensal para o cargo de Analista de Procuradoria é no valor de R$ 3.592,28. Já para o cargo de Assistente, será de R$ 1.029,86. A jornada de trabalho para os dois cargos será de 40 horas semanais.
 
O concurso público será composto por Provas Objetivas, com conteúdo geral e específico, Prova Discursiva e Prova Discursiva-Redação, a serem aplicadas no dia 04 de agosto, de acordo com o cronograma provisório do certame. Candidatos ao cargo de Assistente de Procuradoria realizarão as provas pela manhã, enquanto que os concorrentes ao cargo de Analista de Procuradoria cumprirão as avaliações nos turnos matutino e vespertino, de acordo com o edital.
 
Este é o segundo concurso público estadual realizado este ano, medida que dá continuidade à política governamental que amplia o ingresso no Estado via concurso público. Desde 2007, a atual gestão já contratou através desta modalidade um total de 28 mil novos servidores públicos.
 
No último ano até hoje, já foram realizados os certames da Polícia Militar, Polícia Civil, Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI) e Secretaria do Meio Ambiente e do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sema/Inema), totalizando 2.835 novas vagas.
 
Foto: Morguefile/ Squaio